Criar um filho : regras para um vínculo saudável com a família

Criar um filho : regras para um vínculo saudável com a família

Criando um Filho: Regras para um Vínculo Saudável com a Família Neste artigo, revisaremos um conjunto de regras e limites que serão uma base sólida que o ajudará a criar um filho e a estabelecer seu relacionamento com ele corretamente.

Definir limites no relacionamento entre filhos e pais Como você cria limites saudáveis ​​com seus filhos?

Uma relação saudável perante e com os filhos A relação com o teu filho de acordo com a idade dele Eu descobri a natureza da curiosidade no coração das crianças desde a infância, isso é natural,

O que é um vínculo saudável?

O que é um vínculo saudável? Em que circunstâncias existe esse vínculo? Em que condições ela tem sua função?

Em que condições os filhos estabelecem um relacionamento saudável com os pais e quando não é?

A maioria das pessoas tende a acreditar que um filho tem um pai padrão, e é aí que eles deveriam estar. Esse é um relacionamento saudável.

mas isso não é verdade. Esse relacionamento depende de como desenvolvemos o relacionamento entre os filhos e os pais.

Também depende das condições de formação do vínculo. É importante notar que uma criança saudável é uma criança feliz.

Um relacionamento saudável precisa ter o respeito que merece, não deve ser um passe para evitar a responsabilização e tirar a independência.

Regras para um vínculo saudável com a família

Se você é criança e tem pais, como deve passar o tempo com eles? Dê a uma criança seu espaço para ficar sozinha Espaços apropriados são os cômodos da casa em que a criança pode ter seu próprio espaço.

Permita que seus filhos se expressem A criança precisa se expressar livre e racionalmente.

Não tente controlar uma criança à força e se notar algo perigoso, pare imediatamente, caso contrário, cuide do seu filho.

Não tranque uma criança, exceto em uma determinada situação. Tente descobrir as razões do seu comportamento para saber como reagir a eles.

Aprenda a disciplinar uma criança Ensine-lhes que não há problema em dizer “Não” e sair para encontrar outras coisas ou voltar a uma pergunta mais tarde.

Limites para um vínculo saudável com a família

Como você explica seus sentimentos e seus sentimentos para seu filho? Não fale com seus filhos durante as refeições.

Não fale em um tom doloroso ou você não atrairá a criança para mais perto de você. Não grite ou grite com seu filho.

Não humilhe ou menospreze o seu filho. Como você pede ao seu filho a cooperação dele com você? Nunca repreenda seus filhos na frente de outras pessoas ou você simplesmente perderá o respeito de outras pessoas. Não grite com seus filhos quando eles não fizerem o que você lhes pede.

Não critique seus filhos na frente de outras pessoas. Faça com que seu filho o respeite obedecendo ao que você pede que ele faça.

Definindo Limites no Relacionamento entre Filhos e Pais

Uma relação saudável na frente e com os filhos Desde o dia em que o seu filho nasce, ele lhe pergunta qualquer coisa.

Se você alguma vez tentar dar uma resposta a seu filho, ele continuará se perguntando por horas, mas você nunca saberá por que vem a pergunta. Então o que você pode fazer? Em primeiro lugar, certifique-se de não compartilhar nenhum de seus pensamentos íntimos com seu filho; se o fizer, estará violando a confiança no relacionamento.

É por isso que é uma boa ideia não criar nenhum segredo compartilhado entre você e seu filho. Você deve responder a todas as perguntas do seu filho quando ele ou ela fizer perguntas sobre qualquer coisa.

Certifique-se de manter seu filho interessado e não se aborreça com as mesmas perguntas.

Como criar um relacionamento saudável com seu filho

Não dê ao seu filho tudo o que ele quer, isso criará dependência e seu relacionamento com ele será prejudicado.

O que dizer, o que fazer, como se comunicar com os Filhos do seu filho e as situações com as quais seu filho tem que ser confrontado, como usar o banheiro, fazer higiene pessoal ou brincar com estranhos.

Essas questões devem ser respondidas no momento em que a situação surgir.

Dicas importantes para o relacionamento em família à distância Liste no papel as atividades compartilhadas em sua família e o número de dias entre vocês e dê isso ao seu filho. Você deve trabalhar em harmonia com os pais do seu filho, por meio de um bate-papo amigável, e enviar e receber fotos para crianças da mesma idade.

Relacionamento com seu filho de acordo com a idade dele   

De 1 a 2 anos – Não dorme em sua cama, brinca bem com você e busca sua atenção. 3-5 anos – Pode dormir na sua cama e brinca bem com você, mas às vezes ele quer brincar sozinho. 6-9 anos – Jogará sozinho se você sair para o dia.

Mas quando você voltar, ele pode acordar à noite e quer que você brinque com ele. 10-13 anos – Seu filho ou filha pode ficar na sua cama, mas precisa dormir sem gritar e sem gritar com você e com um tom amoroso.

14-16 anos – A questão é como ele quer lidar com você? Acho que ele quer saber o que você pensa dele e o que você espera dele para que se desenvolva e se torne um ser humano melhor.

Encontrando a curiosidade nos corações das crianças – da infância ao adolescente

Desenvolva rotinas para seu filho: as crianças são indivíduos, mas também aprendem melhor por meio de rotinas. Você encontrará a essência da família e da amizade nas rotinas de rotina.

O desenvolvimento de rotinas para seu filho dará a ele a oportunidade de desenvolver o interesse e reforçar as habilidades que você deseja que ele aprenda.

As crianças são indivíduos, mas também aprendem melhor por meio de rotinas. Você encontrará a essência da família e da amizade na rotina.

O desenvolvimento de rotinas para seu filho dará a ele a oportunidade de desenvolver o interesse e reforçar as habilidades que você deseja que ele aprenda.

Use sua intuição: siga sua intuição quando interagir com seu filho. Você tem sua intuição.

O caminho para relacionamentos saudáveis ​​com seu filho Portanto, este artigo é muito importante para seu filho na vida, vou compartilhá-lo com você.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *